Buscar
  • Jornalista Gabriela Freitas

Confira novos prazos para renovação da CNH







O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) estabeleceu novos prazos para renovar a CNH em São Paulo a quem teve a licença para dirigir vencida entre março de 2020 e dezembro de 2022. O período para cada motorista é definido pelo mês de vencimento do documento.


O DESPACHANTE CAÇULA REALIZA ATENDIMENTO ONLINE E PRESENCIAL COM AGILIDADE E CREDIBILIDADE

SAIBA MAIS!

Veja o calendário:


– Vencimento em março e abril de 2020: renovação até 30 de dezembro de 2021 – Vencimento em maio e junho de 2020: renovação até 31 de janeiro de 2022 – Vencimento em julho e agosto de 2020: renovação até 28 de fevereiro de 2022 – Vencimento em setembro e outubro de 2020: renovação até 31 de março de 2022 – Vencimento em novembro e dezembro de 2020: renovação até 30 de abril de 2022 – Vencimento em janeiro e fevereiro de 2021: renovação até 31 de maio de 2022 – Vencimento em março e abril de 2021: renovação até 30 de junho de 2022 – Vencimento em maio e junho de 2021: renovação até 31 de julho de 2022 – Vencimento em julho e agosto de 2021: renovação até 31 de agosto de 2022 – Vencimento em setembro e outubro de 2021: renovação até 30 de setembro de 2022 – Vencimento em novembro e dezembro de 2021: renovação até 31 de outubro de 2022 – Vencimento em janeiro e fevereiro de 2022: renovação até 30 de novembro de 2022 – Vencimento em março e abril de 2022: renovação até 31 de dezembro de 2022 – Vencimento em maio de 2022: renovação até 31 de janeiro de 2023 – Vencimento em junho de 2022: renovação até 28 de fevereiro de 2023 – Vencimento em julho de 2022: renovação até 31 de março de 2023 – Vencimento em agosto de 2022: renovação até 30 de abril de 2023 – Vencimento em setembro de 2022: renovação até 31 de maio de 2023 – Vencimento em outubro de 2022: renovação até 30 de junho de 2023 – Vencimento em novembro de 2022: renovação até 31 de julho de 2023 – Vencimento em dezembro de 2022: renovação até 31 de agosto de 2023


O condutor que deseja renovar a habilitação das categorias A e B devem marcar uma consulta com médico credenciado pelo Detran – motoristas profissionais destas categorias também precisam realizar exame psicológico. Após, é preciso pagar uma taxa de R$ 107.


Já motoristas profissionais das categorias C, D ou E precisam, inicialmente, marcar exame toxicológico em clínicas credenciadas.


Aliás, para renovação, o motorista não pode ter nenhum bloqueio da CNH ou suspensão por multas. Se o processo administrativo de uma multa tiver sido finalizado e a pendência não tiver sido regularizada, o motorista não poderá renovar a CNH.


Para substituir a CNH física, é possível ainda utilizar a CNH digital pelo aplicativo Carteira Digital de Trânsito (android e iOS).



Informações detalhadas: IstoéDinheiro

Foto: Divulgação